Polinizando ideias: A força da palavra de Drummond

drummond2.jpg

A poesia de Carlos Drumond de Andrade (1902-1987) inspirou crianças, adultos, artistas e pensadores desde que surgiu arrebatadora e seguirá inspirando outros tantos.

Seu poema mais conhecido é “No meio do caminho”, onde a pedra é a protagonista. Registraremos aqui um outro poema que se chama “Poesia”:

‘Gastei uma hora pensando um verso
que a pena não quer escrever.
No entanto ele está cá dentro
e não quer sair.
Mas a poesia deste momento
inunda minha vida inteira.’

Ele é considerado o maior poeta brasileiro do século XX. Mesmo assim, não conseguiu sobreviver de sua arte, conciliou sua vida trabalhando como funcionário público.

Muitas empresas têm em seu quadro de colaboradores artistas de todas as artes. Valorizar de alguma forma estes talentos (festivais internos, alocação correta de potenciais e outros tantos modos) pode fazer o ambiente da empresa ser muito mais saudável e, mais ainda, apoia a empresa a cumprir seu papel de fomentar o saber da sociedade da qual faz parte.

Saiba mais: www.carlosdrummond.com.br

Foto: Felipe Gavioli

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s